riomar melo prosa e verso
SEM FOTO NÃO ACEITO COMENTÁRIOS.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Vasculha


Tira a minha criança interior
dos confins de minh'alma tão sofrida,
traz de volta retalhos de uma vida
que vivi por aí,seja onde for;

Onde havia respeito e mais amor,
dava gosto,por certo,ser vivida,
me concede essa graça comovida
nem que seja num último favor!

Mesmo que,na grandeza do momento,
me concedas o véu do esquecimento
para que não recorde de meus ais,

porque sei que lembrando o sucedido,
ao atenderes meu novo pedido,
eu de lá não retorne... Nunca mais...
RIOMAR MELO
Enviado por RIOMAR MELO em 13/02/2018
Alterado em 13/02/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários